Um projecto que descobre o passado

e o reinventa no presente, tornando vivas

as memórias que são de todos.

Da paixão pela descoberta das raízes e histórias quase esquecidas, e da convicção de que as memórias se constroem a partir do presente, com inspiração nos saberes do passado, nasceu um projecto que utiliza o design e a ilustração em combinação com as artes decorativas, a etnografia e o património.

Sílvia Lézico apresenta um trabalho que tem vindo a desenvolver desde 2012, a partir de um dos mais significativos valores culturais portugueses - a arte pastoril - património que tem explorado no seu potencial artístico contemporâneo.

/// A project that uncovers the past and reinvents it in the present,

making it alive the memories that belong to everyone.

From the passion for discovering almost forgotten roots and stories, and the conviction that memories are built from the present, inspired by the knowledge of the past, a project was born that uses design and illustration in combination with decorative arts, ethnography and heritage.

Sílvia Lézico presents a work that she has been developing since 2012, based on one of the most significant Portuguese cultural values ​​- pastoral art - heritage that she has explored in its contemporary artistic potential.

A arte pastoril é uma das expressões mais ricas da arte popular portuguesa, feita de objectos do quotidiano, talhados e decorados

à navalha por pastores

no campo, nas suas horas vagas.

"Quem tem vagar, faz colheres" é uma expressão idiomática portuguesa que significa que quem não tem que fazer emprega o tempo em futilidades e faz alusão aos pastores que faziam colheres em madeira ou chifre, enquanto exerciam o ofício da pastorícia.

"Quem tem vagar, faz colheres" is a Portuguese idiom which means

that whoever does not have to do it uses time in futility and it alludes

to the shepherds who made spoons in wood or horn,

while keeping the cattle in the fields.

De entre os ornamentos de cornas e polvorinhos portugueses, nasceu o alfabeto pastoril. Este alfabeto é a base das várias vertentes deste projecto: a ilustração, o design de produto, exposições e arte pública, proposta que coloca os seus eixos numa atenta revisitação aos patrimónios e identidades pastoris.

/// The pastoral alphabet was born among the ornaments of portuguese powder horns. This alphabet is the basis of the various strands os this project project: illustration, product design, exhibitions and public art, proposal that places its axes in an attentive revisit to the patrimonies and pastoral identities.

Sílvia Lézico . 2020 © All Rights Reserved

  • Instagram
  • Facebook
  • Ícone cinza LinkedIn